sábado, 24 de março de 2018

Seja mais participativa!

Olá,

Um dia estava fazendo um curso sobre Feira de Ciências para Escolas. Durante o curso, nós discutíamos sobre verbas governamentais e como elas haviam diminuído de uns 10 anos para cá. Eu comentei com o mediador que a ex-direção da escola onde trabalho não havia aproveitado esses tempos de "vacas gordas" para investir na infraestrutura. O mediador alegou o seguinte: "Sou professor e já fui membro da direção. Com a minha experiência, acho que tenha faltado dicas, sugestões, conselhos ou iniciativas por parte das outras pessoas. A escola não consegue sucesso somente por causa da direção, mas com a atuação de todos que ali frequentam."

Eu fiquei meditando sobre o que ele havia falado. Nós sempre culpamos o governo, o presidente, o governador, ... sempre o outro, por algo que talvez seja fácil de praticarmos no dia a dia.

Argh! Que bagunça oculta! Mas não tem
mal cheiro: uso talco.
Eu gosto de temas ambientais, então na minha casa tento participar de reciclagem. Comprei um puff baú que uso para esconder os meus sapatos do dia a dia, além do material plástico, vidro e metal que junto para reciclagem. Depois deposito naqueles contêineres coloridos da Prefeitura. Dentro da minha bolsa, carrego mais duas bolsas resistentes - uma de jeans e outra de plástico reciclado - para carregar compras de supermercado e sacolão. Assim evito sacolas plásticas. 

Alguns pensam: "Ah, mas se eu não jogar lixo no chão não haverá emprego para varredores e lixeiros." Não se preocupe com isso. Varredores não conseguem fazer todo o trabalho, porque há um excesso de lixo.

Quando posso também faço doação de medicamentos. Às vezes, fico doente e o médico receita algum remédio que uso somente durante aquele momento e sobra. Para não jogar fora, faço a doação em Postos de Saúde ou lugares que recebem doação. Na minha região, tem uma Paróquia que faz trabalho social e aceita contribuições, como medicamentos não vencidos. Já os vencidos também podem ser doados em Postos de Saúde e algumas farmácias, como a Droga Raia, pois não devem ser descartados no lixo ou esgoto.

O da cor verde não apareceu, mas está ao lado do vermelho.
Muitas embalagens de papel contém plástico que funcionam como impermeabilizantes.
Esse sachê é de adoçante. Existem diversos produtos assim. Não encontrei reciclagem para eles. Tenso.

Estamos longe de pertencermos a um país ideal (dos sonhos), mas culpar sempre o outro não é a melhor solução. Tem uma frase do filósofo Platão que diz o seguinte: "o castigo dos bons que não fazem política é ser governado pelos maus". Então, antes de reclamar é bom ter uma participação efetiva dentro da sua casa, comunidade, cidade, estado e país.

Tem esse vídeo do Projeto Estelar que é legal. A entrevistada, que fala sobre sustentabilidade, tem uma desenvoltura incrível para falar diante de uma câmera. E a entrevistadora é uma princesa e ex-modelo. Muito elegante. Vasculhei na internet e ela faz curso de ilustração botânica. Uau! Chique demais.


Seja mais participativa!

Tudo de bom,

Carla

Nenhum comentário:

Postar um comentário