sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Filmes que recomendo

Olá,

Como a maioria dos brasileiros eu sou pobre... uma nerd pobre. 

Como pobre a gente sente a diferença quando vai a outros lugares, não é? O tratamento nunca é igual, principalmente quando você tem cor na pele.

Eu não pude aproveitar dos inúmeros benefícios (depende do ponto de vista... é um monte de pobre quase se matando para entrar na federal 😱 😂) que o governo do Lula/Dilma trouxe para a sociedade, mas vi como ajudou a muitos.

Eu sei que alguns chegaram muito desorganizados (muitos dos meus colegas odeiam o bolsa escola), mas era urgente. Ainda estamos muito longe do ideal.

Criei o meu blog com o intuito de compartilhar conhecimentos com pessoas mais simples, é uma forma de agradecimento pelos cinco anos na universidade pública. Tiram um pouco do bolso de cada um para manter o que é público, então só tenho a agradecer. Gostaria de ficar mais tempo na universidade. Quando puder, eu pretendo retornar. 

É que sou meio especial: frequento psicóloga desde os meus 18 anos (é muito difícil focar, tem muita coisa legal nesse mundo para se ver) e tomo medicamento para controlar a ansiedade. 

Eu sei que as coisas não deram muito certo, mas não podemos desistir de construir uma nação melhor e mais justo para todos.

Eu gosto de ver filmes brasileiros, mas é difícil de arrumar companhia. Meu irmão, por exemplo, se não tiver alta tecnologia no filme (3D, robôs, etc) ele não assiste de jeito nenhum. Então, eu fico esperando sair na locadora ou na internet. Recomendo alguns:

Esse filme eu consegui levar minha família toda no cinema: Lula, o filho do Brasil.



Esse também é legal: Histórias Cruzadas. O banheiro que a patroa faz para empregadas, é igual o banheiro dos professores onde eu trabalho! 😂



A Vênus Negra é mais sobre o racismo científico.



Tempos Modernos, do Chaplin:



O desfile da Victoria's Secret (só o desfile mesmo e pela net 💸). Expulsaram as gordas (ahhh?????) e colocaram a belíssima Laís Ribeiro. Às vezes, eu gosto de assistir porque eles variam o padrão de beleza e a Laís representa muito um tom de pele mais nacional. Ela deixou o sutiã mais bonito.



Quando a minha opinião política... eu prefiro não opinar. Mas eu acho que vocês deviam pensar melhor sobre governantes homens ou mulheres que tem desprezo pela presença feminina, porque o Brasil está muito machista e racista. 

Tudo de bom,

Carla

Nenhum comentário:

Postar um comentário