domingo, 10 de dezembro de 2017

Anitta é a mulher do ano?

Olá,

No meu Facebook eu gosto de compartilhar algumas imagens. E um dia acabei compartilhando uma imagem da cantora Anitta, considerada  a "Mulher do Ano" em 2017, e ao lado uma professora que morreu ao tentar salvar os alunos após incêndio... aquela história da creche de Janaúba/2017.


Eu não sabia da eleição dos melhores do ano pela revista GQ, que atende ao público masculino de classe média e alta. Nunca li a revista. Só depois, por curiosidade, procurei saber um pouco mais. 

A revista GQ nacional (sim, a fundadora oficial é gringa) faz anualmente uma eleição daqueles que mais se destacaram naquele ano. E neste ano de 2017, eles consideram que a mulher do ano foi Anitta. E eu concordo... é verdade. Ela é a cantora do momento, está tendo até repercussão internacional. Uma colega de trabalho foi a um show Andrea Bocceli com Anitta e ficou encantada com ela, mas na companhia do Bocceli, sozinha e dançando com aquelas roupas não! 😜. Ela merece o prêmio e, até o momento, está sabendo aproveitar as oportunidades. 



Mas se você não gosta do gênero musical ou das danças dela, é outro julgamento. O jeito dela de dançar lembra a Rihanna. E se existe Rihanna, por que não pode existir Anitta?


Essa mesma revista elegeu como melhores do ano:




E não tem ninguém fazendo a caçada deles! Eu entendi que o critério da revista seria impacto no mercado/mídia e não um trabalho social. A comparação é injusta!

Ahhh! Anitta: você merece o prêmio! Mas eu continuo não gostando da sua música. E o nariz dela ficou parecido com o do Michael Jackson. Mas ela é um conjunto bonito, moça bonita. Não se esqueça que a revista GQ é masculina. 

Quem foi a pessoa do ano para você?

O melhor do ano para mim? O que mais me impactou (exceto membros da família)? Michael F. Holick. Depois eu escrevo dele. Uau! Ele é o cara! 🤓 🌞🏆

Tchau,

Carla

quarta-feira, 29 de novembro de 2017

Escola Sem Partido

Olá,

Eu sou licenciada e trabalho em escola. Eu e meus colegas temos muitas dificuldades no dia a dia, por causa da realidade social e conflitante que os jovens e adultos de hoje vivenciam. Além disso, a crise política e econômica também afeta nosso meio: corte de verbas, reforma trabalhista, reforma da previdência, famílias desempregadas.... tudo isso se perpetua no ambiente educacional!

Diante de tantos transtornos, para-se tudo para discutir um projeto da “Escola Sem Partido”. Eu não consigo resumir este projeto de lei, então deixo o próprio texto do projeto de lei , o site "Escola Sem Partido", o vídeo "Dois lados da moeda: Escola Sem Partido" da Jovem Pan e o vídeo de um rapaz do canal Mameefalei para melhor esclarecimento:




Esclareceu alguma coisa?

Então, eu vou contar o que presencio durante o turno da manhã. Eu trabalho com aproximadamente 150 crianças (adolescente entre 11 e 15 anos) divididos em 5 turmas. Tenho alunos de várias: raças e mestiços, religiões, alturas (alguns não cabem nas mesas e cadeiras), moradias, níveis de maturidade e inteligência. Mas, nós professores, percebemos diferenças.

Entre essas crianças há alunos especiais, que deveriam receber um apoio educacional diferenciado devido às diferentes necessidades. Um exemplo disso, são os alunos das casas (abrigos) que devido à violência e/ou abandono familiar são, por questão de segurança, retirados da família. Alguns retornam quando a condição melhora ou são adotados, mas alguns não conseguem isso. Entre eles, há alguns que chegam a escola e a casa em situações de tanto estresse que é muito difícil lidar com eles.

Por outro lado, há os chamados alunos de AH (Altas Habilidades) que antigamente eram conhecidos como Superdotados. Primeiro, eles precisam ser diagnosticados e acompanhados. Existe muito preconceito, então a maioria acha que portadores de AH fazem tudo sozinhos e futuramente darão muito lucro para seus familiares. Puro mito!

Um dia, eu fiquei conversando com o professor responsável pela Inclusão na escola e fiquei perguntando sobre os laudos, pois temos alunos que notavelmente tem alguma necessidade, mas não tem laudo e como poderia proceder para ele ter um laudo ou algum atendimento diferenciado (isso auxilia até em casos de aposentadoria especial). A resposta foi surpreendente: a escola pública não pode pedir um laudo por escrito, na verdade a escola tem que convencer o responsável que aquela criança precisa de ir a um psicólogo ou médico. Se a família reconhece o problema, tem conhecimento e condições financeiras, ela dá o devido acompanhamento. Caso contrário, a criança fica “abandonada”, e somos obrigados a aprová-la, pois ela vai se tornando velha naquele meio.

Eu acredito que deveria ter clínica pública com médicos, psicólogos, enfermeiros e assistentes sociais especializados nessas “necessidades especiais educacionais” para o acompanhamento desses alunos. Como isso não existe, eu faço muito esforço para aprovar a maioria, pois eu acho injusto ser mais injusto com aquele que foi muito injustiçado. 😇

Esses são alguns dos inúmeros problemas do ambiente escolar. E, repetindo, diante de tantos transtornos alguém resolveu discutir sobre “Escola Sem Partido”. Tem até sites com o tema “Não deixe que um professor comunista adote seu filho”. Arghhhhhhhh! 

Eu tento ser imparcial no meio dia a dia, mas tenho de admito que não é fácil. Sou um ser humano tenho refletido, como um espelho, diversas situações. E as pessoas pedem a minha opinião o tempo todo. Robotizar o professor não vai mudar a educação. Professor precisa de boas condições de trabalho.

Isso é só para refletir!

Tudo de bom a todos.

Tchau,


Carla

terça-feira, 21 de novembro de 2017

Chá de casca de abacaxi e gengibre

Olá,

Estou um pouco mais em casa e já compartilhei que gosto de chás.

Durante muito tempo não conseguia comer abacaxi, pois me provocava mal estar. Mas eu me esforcei e hoje como normalmente. Praticamente todos os dias, é um dos ingredientes do meu jantar. Acho o cheiro maravilhoso. 

Já tinha experimentado chá de casca de abacaxi, mas associei o uso a dieta... é que a pessoa que me ofereceu o chá estava de dieta. 😊

Eu gostei, procurei mais informações e com outros ingredientes.

Muitas pessoas do mundo fitness usam, pois acreditam que o chá tem efeito diurético, ou seja, aumento o fluxo de urina. 

Na internet tem várias receitas, mas eu vou no "olhômetro" mesmo (coloco os ingredientes na ordem e quantidade que eu desejo). 

Ingredientes:

1- Casca de abacaxi
2- pedaços de gengibre
3- açúcar (opcional) - eu uso adoçante estévia - marca Stevita
4- canela (opcional)
5- cravo da Índia (opcional)
6- cascas de maçã (opcional)
7- folhas de hortelã (opcional)


Fervi durante uns 10-15 minutos (casca de abacaxi, gengibre, cravo e canela). Estava tão cansada que não queria sujar outra vasilha, então coei o chá direto na xícara já com adoçante. Nunca escrevi coei na minha vida, fui até conferir no Google!
1º xicara: chá casca de abacaxi e gengibre
2º xícara: chá casca de abacaxi, gengibre, canela e cravo.

Com ou sem dieta e academia: recomendo demais.

Delícia!

Tchau,

Carla

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Chás Tribal Brasil

Olá,

Eu gosto muito de chá. Para apreciadores, como eu, é bom encontrar chás de sabores e cores diferentes.


É muito desagradável chegar na prateleira de um supermercado e ver somente chás de plantas estrangeiras: Erva Doce (Europa), Laranja (Ásia), Canela (Ásia), Chá Verde (Ásia), Camomila (Europa)... Não quero dizer que não gosto, mas acho que devia ter mais produtos de origem nacional ou pelo menos das Américas.

Eu já conhecia a marca Tribal Brasil por causa da Feira Nacional de Artesanato que acontece todo ano no Expominas. Eles expõem com chás e biscoitos mais naturais.

Decidi comprar os chás deles no site Tribal Brasil:

A embalagem de cada sachê é de papel. Original. Dei alguns de presentes para meus colegas de trabalho.

1) Capim Limão, Melissa e Maracujá - 15 sachês

2) Erva Mate Chai com especiarias - 15 sachês

3) Erva Mate Vanilla Peach - 15 sachês

4) Açaí & Guaraná - 15 sachês



A prensagem do sachê não é tão boa, então vaza um pouco. Mas isso não atrapalhou o sabor. Aqueceu meu inverno e ajuda a dormir bem (maracujá, melissa, camomila).

Opinião: Eu gostei de todos os chás, principalmente do Açaí & Guaraná. A qualidade da prensagem deles, não é tão boa quanto a de marca mais tradicionais do mercado como o Mate Leão, mas o sabor é tão diferente que vale a pena. A maioria deles contém mate tostado como ingrediente também. Além disso, algumas ervas são orgânicas, isto é, cultivadas sem o uso de agrotóxicos. Para quem não sabe o maracujá, açaí, guaraná e mate são plantas do Brasil, e a baunilha é uma planta da América Central e México. Se você adoçar com Stévia, vai ficar mais nacional ainda, pois a stévia é nativa da América do Sul (Brasil e Paraguai). Eu estou usando a stévia (marca Stevita) e cacau em pó (compro em mercado naturais) para dar gosto a minha pasta de amendoim, pois eu acho desagradável aquela pasta de amendoim pura... parece cocô de bebê.


Cocô de bebê não!!! 
Para quem fez o ENEM 2017, os chás ajudam a recuperar os ânimos após o choque do nível das provas. Aliás, acertar o tema da redação vai dar premiação um dia...


Tudo de bom,

Carla

sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Filmes que recomendo

Olá,

Como a maioria dos brasileiros eu sou pobre... uma nerd pobre. 

Como pobre a gente sente a diferença quando vai a outros lugares, não é? O tratamento nunca é igual, principalmente quando você tem cor na pele.

Eu não pude aproveitar dos inúmeros benefícios (depende do ponto de vista... é um monte de pobre quase se matando para entrar na federal 😱 😂) que o governo do Lula/Dilma trouxe para a sociedade, mas vi como ajudou a muitos.

Eu sei que alguns chegaram muito desorganizados (muitos dos meus colegas odeiam o bolsa escola), mas era urgente. Ainda estamos muito longe do ideal.

Criei o meu blog com o intuito de compartilhar conhecimentos com pessoas mais simples, é uma forma de agradecimento pelos cinco anos na universidade pública. Tiram um pouco do bolso de cada um para manter o que é público, então só tenho a agradecer. Gostaria de ficar mais tempo na universidade. Quando puder, eu pretendo retornar. 

É que sou meio especial: frequento psicóloga desde os meus 18 anos (é muito difícil focar, tem muita coisa legal nesse mundo para se ver) e tomo medicamento para controlar a ansiedade. 

Eu sei que as coisas não deram muito certo, mas não podemos desistir de construir uma nação melhor e mais justo para todos.

Eu gosto de ver filmes brasileiros, mas é difícil de arrumar companhia. Meu irmão, por exemplo, se não tiver alta tecnologia no filme (3D, robôs, etc) ele não assiste de jeito nenhum. Então, eu fico esperando sair na locadora ou na internet. Recomendo alguns:

Esse filme eu consegui levar minha família toda no cinema: Lula, o filho do Brasil.



Esse também é legal: Histórias Cruzadas. O banheiro que a patroa faz para empregadas, é igual o banheiro dos professores onde eu trabalho! 😂



A Vênus Negra é mais sobre o racismo científico.



Tempos Modernos, do Chaplin:



O desfile da Victoria's Secret (só o desfile mesmo e pela net 💸). Expulsaram as gordas (ahhh?????) e colocaram a belíssima Laís Ribeiro. Às vezes, eu gosto de assistir porque eles variam o padrão de beleza e a Laís representa muito um tom de pele mais nacional. Ela deixou o sutiã mais bonito.



Quando a minha opinião política... eu prefiro não opinar. Mas eu acho que vocês deviam pensar melhor sobre governantes homens ou mulheres que tem desprezo pela presença feminina, porque o Brasil está muito machista e racista. 

Tudo de bom,

Carla

segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Intolerância religiosa e mulheres

Olá,

Fui criada dentro do catolicismo . Já fui a outros templos religiosos a convite de algumas amigas, como Casa Espírita Kardecista, Centro Budista e Igreja Evangélica (Presbiteriana e Batista) e gostei. Mas eu gosto do catolicismo. 

Um dia na aula de ensino religioso a professora falou que Jesus era Deus e eu desmenti ela na sala dizendo que ela não havia lido a Bíblia direito, que Jesus era filho de Deus. Ela fez XIIIIII para mim. Eu fiquei com raiva.

Eu respeito as outras religiões e me identifico com algumas coisas que elas falam e praticam. Tenho de admitir que religiões que praticam rituais com morte me dá um certo receio, mas quem sou eu para julgar já que matamos tanto para nos alimentar, vestir ou por pura diversão. 🐮

Algumas pessoas não toleram a fé e os modos de um outro povo e o alvo desse preconceito acaba sendo mulheres e crianças. Não conheço todas as religiões do mundo, mas algumas que já li a respeito alertam sobre o respeito ao próximo e de o homem ter sido criado a semelhança de Deus, o que não justificaria tanto ódio já que estaríamos todos com um pouco de Deus dentro de nós.  

Enfim, eu não entendo muito sobre coisas que acontecem no Oriente e procurei informações sobre o Estado Islâmico e achei um documentário que me deixou assustada. Primeiro, eu não sabia que os persas ainda existiam e achei que o Zoroatrismo fosse uma religião morta. 😕 

Nós brasileiros nos sentimos muito incomodados quando acham queBrasil e Argentina  são mesma coisa. Tudo ignorância. Mas não somos perfeitos e eu estava cometendo esse mesmo erro com o Oriente. 

A todo momento percebe-se que as mulheres e crianças são muito humilhadas. Muito triste isso. O mesmo acontece no Brasil com pessoas praticantes de religiões de matrizes indígenas e afrodescendentes. Muito preconceito, perseguições, apedrejamentos e outros tipos de agressões.

Esses são os documentários que eu recomendo, espero que vocês gostem. Para quem é mais sensível, o terceiro vídeo tem o apedrejamento de uma mulher que alegam ser adúltera, mas não tem testemunha ou prova contra ela. É horrível. Para o Estado Islâmico, pessoas que praticam outras fés como os Yazidis (mistura de zoroatrismo e outras crenças) são adoradores do Diabo. Os cristãos também são adoradores do Diabo, de acordo com eles: construímos estátuas e adoramos santos. Além das moças Yazidis serem sequestradas e abusadas, elas sofrem preconceito da povo ao conseguirem fugir. Então, o povo delas decidiu mudar e fazer o chamado ritual de purificação para elas retornam e não sofrerem preconceito. A reportagem da Revista Marie Claire tem mais informações: Ritual de Purificação. Por causa disso, eu parei de abastecer meu carro na Shell, eu fico pensando no que acontece na Síria (está mais explicado no vídeo 2). 
























Devemos todos nos respeitar. Respeita ao outro é respeitar a si mesmo. 

Eu também fico com raiva e estou aprendendo falar :"Vá chupar manga!"

Pratique sua fé! ☯☨☥☪

Tudo de bom e uma boa semana.

Tchau,

Carla

quarta-feira, 27 de setembro de 2017

Quando a tristeza parece ter fim...

Olá,

Os profissionais combinam de não ficar falando muito dessas coisas. Às vezes, acontecem. Não se fala muito para não parece incentivo para os que são sensíveis. 

Eu já passei por isso. E eu também já pensei muito nisso. Várias vezes. 

Mas existem diversas causas para se pensar nisso. E para diversas causas, existem diversos tratamentos.

Pode ser problema de nutrição, uma dor física, bullying na escola e/ou trabalho, perda de um parente querido, um amor não correspondido, dificuldade de auto aceitação, dificuldade para lidar com os pais, a Baleia Azul (tive de passar um vídeo sobre a Baleia Azul para meus alunos e ficou na minha cabeça), "você é um superdotado?", insônia (já pensou em parar de usar açúcar?) ... são inúmeros motivos. 

Eu tinha muito medo de psiquiatra. Tinha medo de me receitarem algum medicamento e de repente ficar viciada e começar a babar como bebê. Mas a medicina mudou muito e os tratamentos não são assim mais. Homeopatia, psicoterapia, yoga, aprender um a tocar um instrumento musical, dançar, viajar, ser blogueiro/vlogueiro/youtuber ... tudo isso auxilia a mudar o foco. Assim, não vai precisar ficar se mutilando. 

Às vezes, conversar com alguém ajuda. Mas se for alguém que sabe escutar. Tem gente que não sabe escutar. É melhor não mexer com este tipo de gente. Pode te provocar mais confusão ainda. 

E não desista dos seus sonhos. Pode ser difícil em uma época, mas a vida sempre dá voltas. Quem sabe amanhã ele será mais viável?

Oh Christian! Você estava ficando bonito. Vai deixar muita saudades. A escola ficou triste e o tempo nublado só aumentou essa sensação. Muitas orações e respeito.

Esses sites podem ajudar:

Seja solidário!




4) A sua religião.

Tchau e uma semana muito iluminada,

Carla

domingo, 17 de setembro de 2017

Muito sucesso para Pabllo Vittar

Olá,

Eu não fui ao Rock in Rio (eita vida pobre de dinheiro e amigos!), mas todo mundo só está falando do Pabllo Vittar

Conversei com alguns colegas de trabalho (eu exerço o magistério) e não conseguimos definir um gênero musical para ele, então: 

Ritmos do nordeste + Axé + Pabllo + Beyoncè + ... = Transmusical! 

A sociedade brasileira ainda é muito machista e racista, então muitos trans ficam marginalizados e acabam indo para prostituição. Então, eu fico muito feliz quando eu vejo alguém quebrando esse ciclo vicioso.

Vivemos um problema tão forte de pedofilia, transfobia, ... é tanto problema de gênero. Dá até desânimo. Então, que bom que Pabllo Vittar está fazendo sucesso. Eu gostei dessa música:



Desejo muito sucesso para ele... ela... sei lá. 😂

Nós somos muita energia. Podemos usar essa energia para diversos fins: estudo, trabalho ou até na vida sexual adulta (sexo é para adulto, ok?). De alguma forma gastamos nossa energia. 

Se não podemos assumir abertamente quem somos e fazer nossas opções ficamos com essa energia reprimida, o que não é bom. Não é bom para ninguém. O amor é para todos.  O amor precisa fluir. Existem diversas formas de viver o amor. 

Quantos corações devem ficar partidos por causa de pessoas que não se assumem e tem relacionamentos heterossexuais. É triste.

Eu gosto muito do filme sobre o ativista gay Harvey Milk:



Eu fiquei com um pouco de inveja, pois ele (ela) está todo enxuto e firme! Precisa passar as dicas. 😱

Escrevi bonito, mas não sou perfeita: eu tenho de admitir que quando eu vejo um gay bonito eu fico com raiva. Eita prejuízo! Oh vida complicada!

Para esse Rock in Rio só faltaram Marco Feliciano e Jair Bolsonaro! 😈

Tchau,

Carla

sábado, 2 de setembro de 2017

Vídeos sobre política

Olá,

Eu sou uma pessoa muito ignorante em algumas áreas. Na verdade, acho que em todas, principalmente na área da política. 

Como eu não tenho uma formação muito ampla, só tenho magistério, e trabalho o dia inteiro, isso dificulta muito. 

Eu gostei desses vídeos e quero compartilhar com vocês:

1) Como funciona o Brasil?


2) Reforma Tributária


3) Reforma da Previdência


4) Benefícios dos impostos


5) Reforma do Ensino Médio 


6) Partidos Políticos e outras informações 






7) 7 de setembro - O professor Walter é engraçado! 😀


8) 15 de novembro


9) Bancada Ruralista x Reforma Agrária




Se eu achar outros vídeos, eu atualizo. Depois eu faço uma postagem de economia, pois eu vivo sem dinheiro. 

Desejo uma boa semana muito iluminada,

Carla

quinta-feira, 3 de agosto de 2017

A vítima é sempre a culpada

Olá,

É muito chato ler notícias tão desagradáveis e ainda sentir como se tudo fosse culpa da vítima.

A vítima é sempre a culpada. Agora, Mayara Amaral é mais uma no banco dos réus.


Muito comum as pessoas se esconderem para entrar em motel. 


Mais frequente ainda é carregar o martelo na bolsa. É igual meu celular, se eu esquecer, eu quase morro.


Deve ser esconde-esconde.


Alguém menstruou, só isso. 

É muito óbvio concluir que a vítima é sempre a culpada.

Não deviam liberar informações se ainda não há conclusões. Muito menos, liberar informações dita por criminosos. Eles nunca contaram a verdade. 

Orações para família da Mayara!

Tchau,

Carla

domingo, 25 de junho de 2017

Florais

Olá,

Às vezes, eu fico bem desanimada. Desde então me ensinaram a tomar floral.

As essências florais são extratos líquidos naturais e altamente diluídos de flores, plantas e arbustos, ao qual se agrega brandy ou álcool natural como conservante.

O resultado é uma solução (que contém álcool diluído em água) que no uso terápico tem como objetivo equilibrar as emoções do paciente.

Os florais foram criados pelo médico inglês Edward Bach. Os florais criados por ele são os mais famosos do mundo até hoje. 

Tem várias marcas no mercado. 





Gosto desse, principalmente da versão para dormir. Mas admito que prefiro o florais artesanais.  






Manipulo na farmácia para diminuir o cansaço por causa da minha rotina. Os florais são fáceis de manipular em farmácia homeopáticas. E ficam mais baratos também. Os florais de Minas são nacionais, mais baratos e tão bons quanto os de Bach. 

O floral que tenho usado é uma mistura para auxiliar contra o cansaço físico e mental: buquê de 9 flores, é um dos ingredientes.  



3) Bioflorais
Presentes para o Luke! Na verdade, o Luke só gosta
da bolinha verde e de fazer buracos na grama.

Eu já usei. Agora eles lançaram com sabor baunilha. Parece adocicado, mas não é. É só um aroma. Fica mais fácil para ser consumido por crianças e animais de estimação (pets). O Luke, cachorro filhote do meu irmão, está usando contra a hiperatividade.





4) Florais Filhos do Sol


Eu vi num mercado onde compro produtos, como pasta de amendoim. Nunca experimentei. Muita gente recomenda.







5) Florais Aleixo




Pensei em comprar, mas tem mel na formulação. Não sei se mudaram a formulação. 




6) Florais Saint Germain

Nunca experimentei.









7) Florais Polinize (Serra Gaúcha)




Nunca experimentei. Mas já escutei recomendações.







8) Florais da Deusa


Nunca experimentei. 









9) Florais Healing





Nunca experimentei.












Nunca experimentei.







Caso venha a experimentar algum florais que citei que "nunca experimentei", eu atualizo.

O Floral parece ser uma coisa muito simples. Não precisa de receita médica. Não dá efeito colateral. Isso era o que eu imaginava até tomar o floral Nutrissono da Fisioquantic. O floral acabou comigo. 

Eu tenho a pré diabetes. Então, eu não uso açúcar e evito a noite alimentos que hiperglicêmico. Meu jantar são frutas. 

Como eu vivo estressada, eu uso floral antes de dormir. E usei esse floral. Passei muito mal. Acho que até afetou o ciclo da minha menstruação. E quando adoeço minha auto estima vai para bem longe... tomara que ela tenha ido para um lugar bem bonito... praia paradisíaca... 😛

Então, vamos ver o floral:


Ingredientes: água purificada; glicerina; essências vibracionais florais: Impatiens walleriana Hook f.; Perlagonium hortorum; Ornithogalum umbellatum.


Alguns medicamentos, fitoterápicos e florais usam alguns ingredientes (flavorizantes, aromatizantes) para conquistar o paladar do cliente. É o caso deste floral. Ele usa a glicerina (não confundir com glicose) para adoçar. Fica uma delícia. 

O problema é que não é somente o açúcar que fornece energia ao corpo. Os alimentos fornecem energia. O açúcar só fornece de forma mais rápida e em grande quantidade. A glicerina também fornece. Na verdade, a glicerina é mais energética que o açúcar ainda.  

Eu entrei em contato com a empresa. Eles me responderam. Para muitos profissionais da saúde a diabetes e pré diabetes se resumem ao NÃO POSSO CONSUMIR AÇÚCAR (BRANCO, MASCAVO, DEMERARA, LIGHT). Então, alimentos sem açúcar são para diabéticos... afff...  as coisas não funcionam desse jeito:


PREZADA CARLA, 

Vimos através deste informar que faz parte da Composição dos produtos Frequenciais Florais a glicerina ou glicerol, um composto orgânico extraído de fontes naturais vegetais, que apresenta sabor adocicado, apesar de não ser um açúcar. É uma substância atóxica, segura para consumo humano e muito utilizada na indústria farmacêutica, alimentícia, entre outras. Embora tenha sabor doce, a glicerina é metabolizada de forma diferente do que o açúcar e não eleva os níveis de açúcar no sangue ou glicemia, podendo ser utilizada inclusive por pacientes diabéticos. Dessa forma, confirmamos não haver nenhum tipo de açúcar na Composição dos Frequenciais Florais. Sem mais, agradecemos e colocamo-nos à disposição para maiores esclarecimentos, se necessário. 


Atenciosamente, 

Fisioquântic

O açúcar da cana do açúcar fornece 3831 kcal/kg de energia metabolizável. Leia aqui.
Já a glicerina fornece 4.320kcal/kg Leia aqui. Os lipídios também fornecem muita energia metabolizável, mas não são facilmente convertidos em glicose. A energia metabolizável do óleo de coco é de aproximadamente 8262 kcal/kg. Leia mais.

De acordo com este trabalho: "... O glicerol possui uma molécula pura, não esterificada a ácidos graxos, que é facilmente absorvida por difusão, devido ao seu baixo peso molecular. Com isso, pode ser considerada uma fonte adequada de energia. Quando absorvido, o glicerol pode ser convertido em glicose via gliconeogênese, ou oxidado, para a produção de energia, via glicólise e ciclo de Krebs...". Leia mais.

Esse daqui é outro estudo, mas com ruminantes (cabrito) que mostra que a glicerina absorvida é, primordialmente, usada na produção de glicose no fígado. Leia mais. Tem informações sobre a gliconeogênese aqui.

Li também sobre a relação do uso de glicerina em plantas. Tentei fazer em casa, cultivando feijão no algodão. Mas nem o feijão cultivado somente na água germinou (era o controle). Lembrei da Alice (veja o vídeo) e fiquei com medo de comer feijão. Decidi comer com os olhos fechados, assim não fico triste: "O que os olhos não veem, o coração não sente." 😆




Então, tome cuidado com alguns ingredientes em medicamentos e outros produtos, às vezes eles afetam o seu bem estar provocando insônia e outros males e você nem percebe.

Aliás, se alguém conhecer algum floral que ajude a ser mais detalhista... eu preciso. Comprei uma blusa com buraco e nem vi. Não é a primeira vez que faço isso. Eu não sei o que foi pior: a fila para comprar ou a fila para trocar. 

Tchau,

Carla