quarta-feira, 20 de abril de 2016

Nós mulheres e a Marcela Temer

Oi,

Mulheres estão sempre sendo julgadas:

Por ser recatada;
Por ser libertina;
Por ser alta;
Por ser baixa;
Por ser magra;
Por ser plus size;
Por ser estudada;
Por ser casada;
Por ser solteira...

Todos os dias julgadas por algo. Sempre somos algo de alguém. Cadê o seu namorado, marido, ficante, ex alguma coisa... ai.

Se escolhemos, somos escolhedeiras. Se sofremos em um relacionamento, andamos por qualquer um e não escolhemos bem.

Assim a vida se torna muito difícil.

"Bela, recatada e do lar".... diante de tantas coisas ruins a Veja tinha que fazer uma reportagem dessas?

Mas diante de tantas coisas ruins, as pessoas tinham que agredir tanto a imagem da mulher:

Não julguem a força ou fraqueza de alguém assim. A irmã da Gisele Bundchen é juíza federal.




Ela podia ter feito a faculdade por conta própria e ter o carteira da OAB. Que primeira dama fraquinha! Nem filantropia ela entra. A reportagem da Veja também realça como ela é fraca.
Agora o povo revoltou mesmo. É como se as outras pessoas tivessem sido chamadas de "vagabundas". E eu só vejo isso no facebook:

Quem fez a foto pode conseguir trabalho com o Terry Richardson!
Terry Richardson, sempre polêmico.

Quem lida com público tem que preparar o espírito. Eu assisti um vídeo sobre o assédio da imprensa em cima da Catarina Middleton quando trabalhava em uma rede de loja, isso em 2007. Em uma das reportagens ela tem dificuldades para sair do carro e ir ao trabalho, cercado pela imprensa.


Gente normal é assim, se o aniversário não caiu em férias, fim de semana e feriado: sinto muito, vai ter que ir trabalhar.


Marcela Temer não vai conseguir trabalhar normalmente, mas precisava ser tão fraquinha?

Muita gente chateada  pelas comparações.


Moças recatadas e do lar.
Tchau,

Carla

------------------------------------------------------------------------------------------------------------

A intenção de mostrar os vídeos da Catarina Middleton não é para agredir as brasileiras. 

É só uma comparação. Eu sei que a realidade é muito diferente. 

Outras mulheres na posição dela teriam feito outras coisas, como posar para uma revista ou dar entrevistas. Virar ícone fashion é o sonho de muitas. 

Eu acho engraçado ela ter conseguido um trabalho. Quem foi o doido que deu uma vaga de trabalho para ela? Os fofoqueiros ficavam muito em cima! Deviam ir até a loja só para ver, simpatizar ou até agredir a pessoa dela.

-----------------------------------------------------------------------------------------------------------

Não responderam.