segunda-feira, 21 de dezembro de 2015

Miss Universo

Olá,

Quando eu tinha uns 17 anos, eu fiz um curso de manequim para melhorar a postura e diminuir a timidez.

Até essa época eu só usava camisa larga para esconder meus ombros. Não gostava deles.

Também não gostaria deste tipo de ombro.
Com o passar do tempo fui aprendendo a conviver com o meu corpo e achar até bonito os defeitos.

Eu acho o magro bonito.

Izabel Goulart

Eu acho o gordo bonito também.

Espaço Plus Size

Eu não ligava, mas um dia assisti ao Miss Universo.

O país do futebol está se abrindo mais para outras diversões, mais femininas. Até Victoria's Secret Show dá para assistir.

A terra do futebol se rendeu as outras diversões.

Mas o que me chama a atenção é o fato de ninguém ter percebido o Miss Universo. Eu não sei se é impressão minha, mas eles gostam de:

Morena – Vejo as loiras e negras ganhando, mas eu acho que eles gostam de uma moreninha. Morena tropicana euquero teu sabor...

Olivia Culpo (Miss Universo 2012)

Penteado – todo mundo já enjoou dos cabelos grandes e com cachos. Isso é coisa de Angel.

Miss Filipinas (Miss Universo 2015)

Sorrisos bonitos – é o concurso de miss tem que sorrir!

Miss Venezuela (Miss Universo 2009)

Miss Rússia não tinha um sorriso muito bonito.

Doçura, doçura, doçura....

Miss Angola (Miss Universo 2011)
Agora está na hora delas dividirem as dicas de beleza com a gente!

Viu? Eu também sei ser fútil.

Tchau piriguetes (para os rapazes),

Tchau meninas,


Carla

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Brasil é 'campeão' em mau comportamento na aula

"Brasil é 'campeão' em mau comportamento na aula, indica pesquisa da OCDE."

Olá,

É muito sem graça ler uma notícia assim do Brasil. Mas as causas são bem óbvias:

1 - A luta dos professores e sociedades neste momento tinha que ser a redução da quantidade de alunos por sala. 

Salas lotadas
Salas muito cheias geram cansaço (voz, corpo e mente) e adoecem tanto alunos quanto professores. Greve é algo muito sério e cansativo para ficar como brincadeira anual. Repor aula é ruim. A pauta principal deveria ser a redução de alunos por sala. 

2 - A aulas e salas tinham que levar em consideração a individualidade desses alunos. 
Vocês misturam e juntam demais. Vira o caos. Mesmo que a criança e o adolescente tenha algum talento específico, no meio daquela bagunça não tem como desabrochar. Isso acaba gerando muito preconceito.

Quando trabalhava com Educação de Jovens e Adultos (EJA) os alunos tinham questionários sócio-econômicos para responder. E era engraçado ler o que eles escreviam, pois mentiam para não serem discriminados. Por exemplo, a maioria alegava serem católicos, mas nós sabíamos que a maioria eram praticantes de outras religiões. Nós professores não comentávamos nada, por gentileza e para evitar futuros problemas para eles. 

3 - Brasil ainda é muito violento. Pessoas tratadas com violência vão ter dificuldade para se concentrar e cumprir regras.


4 - Salas ambientadas ajudam a se ligar ao tema/disciplina.

Sala ambiente de Geografia.

Laboratório de Ciências não é lugar para passear e muito menos para bagunça. Todo laboratório precisa de um técnico responsável.

5 - Quando você tiver oportunidade, leia Casa Grande & Senzala. Os grupos étnicos tem comportamentos diferentes... um católico se comporta diferente de um mulçumano... uma japonesa tem comportamento diferente da brasileira...

Tchau,

Carla

segunda-feira, 19 de outubro de 2015

Hidratante Vegetariano Grupo Orgânica

Olá,

Devemos cuidar da nossa mente e do nosso corpo.

Além do banho diário, eu tenho outros cuidados com a pele.

As gatinhas tomam banho.

Tem dois produtos que eu gosto muito: hidratante corporal e bucha vegetal.

Durante o banho eu uso bucha vegetal para esfregar e lavar bem os pés. Após o banho, eu gosto de hidratar o meu corpo para a pele não ficar ressecado.

Hidratantes Monange.

Usava muito os hidratantes Monange. A Monange é não realiza testes em animais, mas usa ingredientes derivados do abate animal. Mas descobri uma marca de hidratantes vegetarianos nacional: Grupo Orgânica.

Eu estou usando um hidratante vegetal. Já alerto: não é vegano, pois tem mel.

Eu prefiro mel que glicerina animal.

São 250 mL de produto e tampa é do tipo disk top.
Tampa Disk top.




Ingredientes: Water; Mineral Oil; Glycerin; Cetearyl Alcohol; Carbomer; Peg-20 Cetearyl Alcohol; Cyclomethiconol; Dimethiconol; Phenoxyethanol; Methylchloroisothiazolinone; Methylisothiazolinone; Sodium Hidroxide; vegetable extracts; Triclosan; Tetrasodium Edta; Sodium Hidroxide; CI 19140; CI 16255; CI 42090; Fragrance.

Opinião: Eu não percebi o cheiro de vanilla (baunilha), só lavanda. Eu gosto, porque acalma. A hidratação é boa. É boa alternativa aos vegetarianos. Achei a embalagem resistente e a tampa disk top.

Muitos veganos não aceitam consumir produtos com derivados apícolas, pois alegam maus tratos as abelhas e morte em períodos em que não há muita produção, como o inverno. O maior produtor de mel atualmente é o Piauí. O maior problema da produção de mel no Brasil não é o inverno, é a chuva. A ECOCERT certifica quem usa derivados apícolas orgânicos.

Fica a seu critério, quanto a consumir ou não. 

Tudo de bom a todos ,

Carla

sexta-feira, 16 de outubro de 2015

Fazendo arte e o FIF

Olá,

Eu gosto muito de fotografia. Seja denunciando algo ou fazendo arte...

Eu não sou a mestra na fotografia, somente uma aprendiz. Na hora do clique, eu esqueço certas coisas, ou fico limitada devido a limitação de minha máquina... isto é, não tenho dinheiro.


Eu tirei  algumas fotos do eclipse da lua, mas esqueci que tinha que ser tudo do mesmo tamanho. ;-) 
Aprendiz é aprendiz.

Este mês está acontecendo o Festival Internacional de Fotografia, na verdade, as palestras e cursos já terminaram, mas até o final do mês dá para ver as exposições.

Elas estão no Palácio das Artes e no 104.

Algumas exposições são feitas em materiais diferentes, ou passam a impressão de 3D, eu fico com aquela vontade de tocar..... 

Viagem Pitoresca pelo Brasil, por Cássio Vasconcelos 

... toda vez que sinto essa vontade tem um segurança me bisbilhotando... muito chato.

... textura.... textura... textura....

As fotos de Paul Thulin lembram as visitas que fazia a casa de meu avô no interior. Lá tinha muitos vagalumes e histórias de monstros da noite.
As obras de Michel Le Belhomme estão lá.
Alguns gostam de fazer arte no museu, outros fazem a arte na rua...


Seja pobre ou rico, faça arte!

Tudo de bom a vocês,

Carla

domingo, 4 de outubro de 2015

Caso Gaia Molinari e mochileiras

Olá,

Quando eu viajei em janeiro deste ano, eu estranhei muito o comportamento dos meus familiares. Eles me ligam, mas não tanto. Eles ligaram muito mesmo.

Eu achei aquilo muito estranho.

Como em dezembro estava muito ocupada, eu fiquei sabendo do caso da turista italiana que morreu no Ceará, mas não associei, pois não havia prestado atenção.

Esses dias eu vi uma foto do corpo dela... Alguns jornais citaram que tinha um estilingue junto. Eu não acompanhei o noticiário na época e entendi que ela havia caído no chão e morreu... algo assim. Quando vi a foto, eu fui procurar saber mais. 

Gaia Molinari.
Cada jornal/site citam detalhes de forma distorcida, fica difícil para entender o que havia acontecido. Mas tudo dava a entender que havia sido a tal da amiga de quarto.

Mírian França.
Independente de quem praticou o crime, as mochileiras ficaram com a imagem um pouco negativa. Fica parecendo que somos loucas que viajamos sozinhas, dormimos com qualquer pessoa e somos usuárias de drogas.

As coisas não são assim.

Eu já viajei em grupo e foi horrível, não fiz as coisas que gostaria de ter feito, já tive de cuidar de bêbado, ficar debaixo de chuva, perder passeios, ... nunca mais.

Já dividi cama de casal com prima, tia, irmão, amigas de faculdade, cachorro, mochila, mala, etc. Mas em viagens de família e amigos próximos.

Eu acho estranho dividir cama de casal com uma pessoa que acabou de conhecer em uma viagem de mochileiro. Mas a Gaia me passou uma impressão muito positiva, pode ser que a Mírian tenha sentido isso também.


Eu achei muito luxuoso para alberguista, mas ela afirmou que era inicialmente uma viagem com a mãe. Para a família a gente sempre se esforça mais.

Quanto ao uso de drogas é algo muito individual (alegaram que Mírian usava maconha e skank). As bebidas alcoólicas também são um tipo de droga e dependendo da quantidade de uso podem alterar muito a percepção e memória.


Tenho colegas que ao ficarem bêbados falam idiomas nunca falados.  E no outro dia não se recordam de nada. Talvez seja por isso que ela tenha tido dificuldade para contar o que aconteceu.




Quando eu trabalhava como professora do EJA, alguns alunos usavam roupas de frio em épocas de muito calor. O uso de drogas como a maconha altera a percepção do ambiente.

Eu gosto de beber vinho, mas quando viajo evito álcool o máximo possível. Tenho receio de acontecer algo. Eu não uso outros tipos de drogas (exceto medicamentos).

Mírian apresentou comportamentos esquisitos. Ela foi detida como suspeita e não como criminosa. Achei que a imprensa e as pessoas distorceram muito.
--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Atualização

Foi uma prisão preventiva e não definitiva. A Mírian tinha condições de arcar com hospedagem e alimentação para ela durante o período que ela estivesse em Fortaleza (na investigação)? 

Acho que a delegada tentou usar aquilo que estava disponível como ferramenta.

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Ela foi detida como suspeita de ter feito o quê? Eles contaram? Toma cuidado com a língua da imprensa. A imprensa não é a polícia.

As pessoas sempre ficam "imaginando coisas" com moças de boa aparência sozinhas. Mírian tem boa aparência... Gaia tinha boa aparência.

Mulher tem que ter atenção redobrada, viu?

Mochileiras são pessoas legais! Só queremos passear e fazer amizades...

Ele mora em uma ilha e gosta de nadar até os barcos para pedir comida. Paraty, RJ.

Itacaré, Bahia.

Itacaré, Bahia.

Um amigo gatinho. Itacaré, Bahia.


Tudo de bom a vocês,

Carla
_________________________________________________________________________________

Tem algumas notícias sobre Jericoacoara/Ceará, caso você acredite:

Cidade Encantada de Jericoacoara

Argentino desaparecido

Narcodialética: as diferentes formas de uso do crack



Morte motivada por RPG em Ouro Preto/MG

Morte de italiana completa quatro anos sem respostas

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O Brasil ainda é muito racista. Então, eu me deparo com situações muito estranhas, às vezes, como pessoas me oferecendo homens ou me perguntando indiscretamente sobre a minha família e querendo muito detalhes. 

Talvez a Mírian só quis parecer um pouco mais civilizada na companhia da Gaia.

Eu percebo isso quando algumas pessoas me oferecem homens. Tinha uma colega de trabalha que sempre oferecia os sobrinhos dela, um deles morava na Europa.

Eu tive essa impressão. Os rapazes sofriam muito preconceito e precisavam se tornarem mais apresentáveis. Se as famílias se gostassem mais e a sociedade não fosse tão racista, não aconteceria essas distorções.




terça-feira, 29 de setembro de 2015

Meu banho diário

Olá,

Eu assisti ao programa Fantástico de último domingo, pois fiquei curiosa a respeito do cientista norte americano que produziu um produto (spray) e não toma mais banho.

Quando fiz um curso de cosmetologia básica do SENAC/MG com um doutorando em Farmácia/UFMG, ele me explicou que as bactérias se alimentavam do nosso suor e produziam o odor desagradável de chulé e cecê (gambá humano).

Até aí tudo bem... tudo de acordo.

O cientista alegou que temos várias bactérias: as benéficas e as maléficas. As maléficas seriam as produtoras do mau odor.

As benéficas auxiliam até na hidratação da nossa pele.

Eu vou ser sincera na minha opinião. Não estou desacreditando nele, mas tem um fator especial (não sei se é exclusividade brasileira) chamado: POEIRA.

Todos os dias eu sinto que essa poeira me afeta. 

Como faz muito calor, uso muita sandália e meus pés ficam sujos.

Ele precisa vir ao Brasil e se sentir melado! Testar o produto em nossas condições!

Não estou dizendo que sou a favor de mil banhos por dia! Só quero justificar o meu único banho diário ao final do dia.

De qualquer forma, economizem: a água é um recurso caro!

A água é muita benéfica para o corpo e deve ter ajudado a moça abaixo a adquirir o belo corpo:

Ela seguiu uma dieta das modelos da Victoria's Secret e muita atividade física.

Agora ela está pronta para namorar com algum astro que só namora mega ultra giga super topmodels lindas e podres de rica!


A gente namora com algum ogro mesmo! ;-)

Que realizem os seus sonhos!

Tudo de bom a todos vocês,

Carla



--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------
Atualização (29/09/2015)

Na reportagem não comenta. Mas é muito comum em pessoas de classe elevada, eles adquirirem o vaso sanitário japonês.

Foto
Vaso sanitário japonês com tecnologia.

E a reportagem não comenta sobre troca de roupas. A troca e lavagem de roupas ajudam no controle do odor, já que suor + sebo + bactérias também ficam impregnadas no tecido.

Não gosto de algumas reportagens que vejo na televisão/jornal, são muito imparciais.

segunda-feira, 14 de setembro de 2015

Bola de lavar roupas: Ecoball

Olá,

Hoje eu tive mais um dia chato na minha vida! Detesto ter de esperar!

Eu queria tanto esperar o príncipe encantado...


Vamos lavar roupa... tirar as inhaca....

Minha roupa estava saindo suja da máquina de lavar. Tem que fazer limpeza da máquina, mas estava com dó de jogar tanta água fora sem poder reutilizar.

Minha roupa estava saindo assim da máquina.
Limpei a máquina como é ensinado neste blog. Minha máquina não ficou desse jeito: Eca!

Que nojo!
Eu vi várias propagandas falando sobre a bola que economiza o sabão.



Decidi comprar um da China com escrita em espanhol. Não sei se isso é original. É original da China.

Eu só tenho uma bola (já pensou se tivesse duas?), então decidi não abrir.

Os vídeos alegam que as pedras dentro da bola alteram o pH da água, por isso a roupa é lavada com eficácia.



O pH da água é 7 e com a água continuou 7.




Eu sempre lavo com água no nível máximo, então esperei para lavar tudo junto e coloquei somente 1/3 do sabão utilizado.

Rezei um Pai Nosso e dei três pulinhos: Alto teor científico e com grupo controle.

A roupa lavou normalmente. 

Em tempos de falta de água potável, temos que ter muita fé.

Chove chuva, chove sem parar...

Muito bom! Aprovado!

Tchau,

Carla

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Pausa no blog

Olá,

Estou muito ocupada e não tenho nem criatividade para escrever nada a vocês.

Independente disso, desejo só coisas boas.

Muita paz e felicidades a todos!

E nunca se esqueça: sonhar é de graça, então sonhe muito, com coisas boas e caras!

Pare de sonhar com He-Man, sua safadinha!

Até final de agosto!



Tchau,

Carla

domingo, 19 de julho de 2015

Denúncia na fotografia

Olá,

Às vezes, nós passamos por algumas situações constrangedoras.

Temos modos e sentimentos próprios que podem não corresponder o que o outro deseja ou sente.

O outro pode ter problemas de modos que nos assustam: 
  • gente que aponta o dedo na cara dos outros;
  • gente que conversar muito alto;
  • gente que gosta de cutucar quando conversa;
  • gente que gosta de esnobar;
  • gente invejosa;
  • .... e por aí vai...

Mas isso não significa que o outro tenha direito de te maltratar ou enganar.

O constrangimento é algo ruim e que prejudica. Dependendo da situação não temos como comprovar algo.

Aproveitando a onda dos selfies, eu estou incentivando a fotografia denúncia.

Quando eu viajei para Foz do Iguaçu eu tive um pequeno problema por conta de uma pessoa que queria dar lição de moral em alguém. Se eu contar o que aconteceu lá, ninguém vai acreditar, pois não tirava fotos denúncia nessa época.

Isso é um absorvente interno que estava passeando pelo mar.

Essa foto foi na Bahia.
Assim, você não passará vergonha por tentar contar algo que ninguém vai acreditar.

Tchau,

Carla